Recent Visitors

Seguidores

Translate

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Os Sonhos - Débora Marques de Oliveira


poesias e reflexões

São imagens distorcidas 
Para alguns até muito nítidas 
Pensamentos que desejamos 
Sentimento oculto que lamentamos 

É melhor acordado sonhar 
Ou de olhos fechados ao repousar? 
Não consigo esta questão responder 
Acho que importante mesmo é bons sonhos ter 

O que me fascina quando sonhamos 
É que por um instante até acreditamos 
Na realidade do sonho que é ilusão 
Que nos deixa nostálgico entusiasmando o coração 

Sonhar é necessário sempre 
Mesmo que no outro dia você não se lembre 
Mas no inconsciente o sonho descansa 
Aguardando a sua realização sorrateira e mansa 

O sonho às vezes é a vontade da alma 
Que aparece na vida para nos trazer a calma 
Ou até mesmo para nos dar o prazer 
De simplesmente bons momentos viver

fonte: http://poesiasmaispoesias.blogspot.com.br

Os Ombros suportam o Mundo!! Carlos Drumond de Andrade

poesias e reflexões


fonte: As delícias do saber

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Amor Platônico



Era um amor platônico.
 Um morava na lua, 
o outro em qualquer lugar do espaço que fosse distante o bastante para não poderem se tocar.
 Trocavam olhares apaixonados,
 tremiam ao som da voz do outro, 
suspiravam em sonhos acordados.
 Anos sonhando com aquele que seria o encontro de suas vidas, 
mas que jamais aconteceu.
 Talvez tenham se perdido entre uma história e outra,
 mas sempre voltam a se olhar,
 de longe e com o mesmo desejo de sempre,
 porque têm a mesma alma,
 só nasceram em lugares diferentes.

fonte: sentimentos em frases



terça-feira, 16 de setembro de 2014

Onde pus meu coração?

poesias e reflexões


O coração agora 
pulsava mais,
porque você chegava 
de repente,
e era para mim como 
um sol quente...
desses que na pele se 
amalgama, 
e faz sentir a vida 
ainda
mais emocionante.

Teu rosto então me 
buscava
e um lindo sorriso 
já nascia,
como um milagre 
da alegria
em que emergia 
meu sentir
antes que tudo se 
esvaísse
como uma nuvem 
passageira.

Em mares até eu 
pensava
e você como gaivota 
nele voando,
como se tudo fosse 
tão real,
pois o que eu de ti 
imaginava
nem sempre era 
o que você
com certeza podia 
imaginar !

Um alaúde perto 
tocava
mostrando searas 
antigas,
e nessa algaravia 
de sons
a vida, quase como 
uma réstia,
naufragava em pura 
luz irradiante
e que agora apenas 
mostrava-me
um caminho de 
voltas mil.

Ah...então olhei o 
céu anil...
e mergulhei como 
num funil
nesse teu olhar 
indiferente,
onde por mais que 
quisesse fosse.
sol quente não 
mais havia,
mas uma noite ainda 
mais quente
em que teus braços 
buscavam
a ufanante satisfação 
da mais pura páixão !

E de novo me perguntei 
atònito:
Nossa !!! Onde pus meu 
coração ?

Acaso... na tua paixão ?

Cássio Seagull

Teus Olhos




poesias e reflexões



Se teus olhos 
falassem, 
como falam...
difícil seria uma 
resposta
que pudesse
mostrar meus 
sentimentos,
pois quando
a paixão é um 
despontar,
nada mais
é possÍvel no 
tempo segurar.

A beleza surge
em teu belo corpo
como anunciando
dias de lindos sóis,
neste calor que se 
sente...mesmo em
tua ausência.

Então cerro meus
olhos nos teus...
e como numa mágica
meus lábios te 
buscam nas distâncias 
todas e sinto dentro de 
teu ser que a tua 
felicidade ainda mora 
dentro de mim.

E que não te esqueci !

Cássio Seagull