Recent Visitors

Seguidores

Translate

sábado, 30 de novembro de 2013

Olha só..o que você faz...Meu Amor!!



Ainda que pouco eu 
saiba de ti,
mesmo assim...você 
é uma surpresa
com esse teu olhar de 
diva apaixonada.

E sei que nas estrelas 
há respostas,
porque é nelas que te 
encontro
toda brilhante e vestida 
de cores.

Você chega de mansinho 
apenas,
e com tua fina varinha 
mágica
engasta-me em teu belo 
coração.

Todas as outras estrelas
cintilam,
e no entanto...tua luz é a 
que me ilumina
bem dentro de meu 
coração !

Vem amor...vem como 
estrela-centelha,
e mova essa tua paixão 
toda em mim
para que te sinta...num 

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

A gente nem viu...Só Sentiu...


Nas faces soprava um 
vento frio,
enquanto ao longe se 
ouvia nítido
o crocitar de alguns 
pássaros negros
que passavam na 
despedida da bela tarde.

Sentados ali na pedra e 
junto ao mar
nossos cabelos iam voando 
sem querer,
pois agora se avizinhavam 
mais ventos
que não queriam mesmo 
recrudescer.

Fazia tempo que não 
sentávamos ali
tão perto de um mar 
que se agitava
lançando ondas cada vez 
mais fortes
sobre a branca praia 
quase deserta.

Era a força da natureza 
que se impunha,
mesmo quando suas mãos 
eu segurava
e nossos lábios se buscavam 
como ondas...
dessas que querem alcançar 
mais e mais.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Tua Voz........ .Eu ....O U Ç O!



Erguem-se os naipes da 
orquestra com
o Choir de La Chapelle 
Royale 
numa exaltação de pompa 
e circunstância
de Jean Baptiste Lully...
da escola barroca.

A alma então desliza como 
num lago azul
e vai percorrendo caminhos 
inusitados,
onde as vozes juntam-se 
em linda harmonia,
deixando-me a pensar...
em toda a gênese humana.

Sinto-te então...mesmo 
daqui de longe...
como se fosses em mim 
uma voz permanente...
da qual meu ser se eleva
e te busca 
no percorrer deste destino.

As vozes...as vozes...todas 
as vozes...

sábado, 23 de novembro de 2013

O Amor...Nunca esteve Ausente....!



Corriam teus olhos 
com brilho de safiras !
Preso nas areias de 
meus sonhos
a nau da vida...erguia 
seu mastro.

E se perguntasse onde 
ela estava...
era fácil dizer num 
só instante:
estava em meu coração 
ainda ardente.

E nossa vida percorria 
saudades !
Umas que se queria 
muito sentir
e logo outras que o rés
do tempo apagara.

Mas eis que de repente
ela surge !
É como o ressurgir...
de um novo broto
que o vento abana nas 
escondidas cinzas !

E de novo...há um voo...
resplandecente.
E ela voa seu voo...numa 
canção que o vento entoa.
Ela se lembra...comove-se
e sente desejos.

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Real..é Você! Não é Amor?


Com uma saudade de 
idas e vindas
ela agora estava feliz 
e mais alegre,
pois seu coração 
precisava de alegria.

Não lhe importava tanto 
a nossa breve ausência,
já que era também bom 
sentir saudade
daqueles momentos 
de nosso pé ante pé,
porque tínhamos medo 
até de tanta volúpia.

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Eu Quero....Você...Assim..!


Pudesse eu parar o tempo quando seu sorriso se faz diante dos meus olhos.
 Você é como um dia repleto de cores; um vento fresco; uma chuva fina; o cantar solto de um pequeno pássaro e tudo de bom que meus olhos podem contemplar.
 Você é único e será infinitamente único. 
Que bom que existimos.
 Que bom que posso tocar sua mão, seu rosto, seu corpo...
 Que bom que os dias não são iguais e as horas não nos fazem sofrer
. O tempo passa, a vida acontece e nossos sentimentos são plenos
 Eu quero ouvir sua voz me dizendo das coisas simples e dos sonhos ainda não realizados.

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Estrela Cadente - Video com a musica Sonho de Amor, onde a letra fala de uma ¨Estrela Cadente¨




Havia muitas estrelas no 
céu escuro,
quando um cometa cruzou 
a imensidão
e atraiu nossos olhos que 
caíram com ele.

Ela então me apertou a mão 
e disse:
Amor...o que eu sou para 
você ?
Sou uma estrela ou um cometa 
cadente?

E então lhe disse: você pode 
ser os dois.
Pode ser um cometa de 
luz intensa
e pode ser uma estrela 
bem brilhante.
De qualquer modo você 
sempre será estrela.

Ah...mais eu prefiro ser 
a tua estrela
que é mais permanente no céu...
você não acha ?

Claro, amor que eu acho...
o que você
escolher eu sempre concordarei.

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

A Paixão é linda mesmo!



Agora todas as linhas 
juntam-se
e você e eu somos um 
só novelo
como se vida fosse feita 
de um par
e nossos ímpetos ímpares 
nem existissem.

Olhe....estremeça logo 
em meu peito,
pois o que você mais anseia 
eu sei...

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Destinada!




O destino te trouxe pra mim
 Como o mar traz uma concha do mar
 Como a onda quebra na praia
Você quebrou em mim.
  Não há mais o que fazer
 Estava escrito você me encontrar

terça-feira, 12 de novembro de 2013

¨Amor Complicado ¨



Eu não aguento mais....
 O nosso amor é complicado
E infelizmente 

 não correspondido
Eu amo-te mas não sou amado
O meu coração está perdido

Eu penso em ti todo o dia
Como seria estar ao teu lado
E enquanto escrevo poesia
Mostro o quanto estou apaixonado

Eu quero amar-te eternamente
Nunca na vida vou desistir
E queria tirar-te da minha mente
Mas não te consigo resistir


És uma dama de beleza sem fim
És alguém que eu vou sempre lembrar
Tu serás sempre uma parte de mim
Até ao dia que alguém me matar

Tu podes nunca me aceitar
E pela tua decisão, eu tenho respeito
Mas só quero ter o prazer de te olhar
Desde a hora que acordo.
Até á hora em que eu me deito.

Uma certeza tu podes ter
Eu nunca te vou esquecer
Para sempre te vou lembrar
Eternamente te hei-de amar
Até ao dia em que eu morrer

Antonio Augusto Batista dos Santos

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Louco Amor!





Fazíamos o louco amor
como condenados à morte
a que tudo torna permitido
no suspense voraz
dos segundos a finarem
na última rodada
das longas facas afiadas.

Fazíamos o louco amor
sob a tensão brutal
do profetizado apocalipse
à beira do quarto do motel.
Daí porque tantas fogueiras, 
daí porque tantos relâmpagos

* Por Talis Andrade

fonte: http://pbondaczuk.blogspot.com.br/

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

De teu brilho, jamais me esquecerei!



Com a suavidade de um 
noturno de Chopin
ela foi chegando e 
trazendo suas vontades
todas prontas...para nossa 
noite de puro amor.

E no céu a Lua era agora 
testemunha,
e com seu brilho intenso,
holofoteava 
em nós aquela paixão 
que parecia até ancestral.

Nada era possível fazer 
senão entregar-se
a esses momentos em que 
tudo era belo
como um poema de amor...
nas entrelinhas.

Ah...linda...vou comprar 
um binóculo
para te achar nestas noites 
cheias de encanto,
pois quem sabe entre as 
estrelas...
ainda te ache sorrindo 
para mim.

Não demore...não demore...
meu amor !
Vem ser minha estrela...
nesta linda noite,
pois de todas você já sabe...
você é a única.

E de teu brilho eu nunca me 
esquecerei...
Jamais...

Cássio Seagull

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

P.S: Apaixonada



Apaixonar é sentir o perfume da pele
Numa distância que a saudade não suporta
Apaixonar é achar graça
Mesmo quando nossos nervos querem ceder ao orgulho
Apaixonar é adorar os defeitos
vê-los como parte do corpo que nos atrai

Apaixonar é querer se entregar
Até quando não podemos
Apaixonar é aquecer a alma com um beijo
é cobrir os sonhos com um abraço
Apaixonar é acordar todos os dias
e ter a certeza de que é real ou simplesmente
permanecer nos sonhos e não ter certeza

Sentir-se completo e inquestionavelmente feliz
Até mesmo com problemas, sabendo que temos
Um apoio, um amigo, um amante.
Bem... Isso já é amor.

Paixão é uma droga doce e alucinante
Amor é a cura
fonte: http://www.amoresaudade.com/
Autor: Luana A. Costa