Recent Visitors

Seguidores

Translate

segunda-feira, 15 de julho de 2013

E, Eu Meu Amor...Até Emudeço!!



Havia uma festa no ar...
e ela me dizia: 
vem na minha festinha.
E então... eu ia...todo 
contente.

Depois ela me agradava 
com olhares,
e seus lábios sorriam 
como poesias,
enquanto em mim 
dIgladiavam-se desejos.

Seu corpo ia então, num 
só colar-se,
buscar em meu ser... aquela 
atração que gostava
como uma noite se abrindo 
para as estrelas.

Ah...essas noites...quase 
de pernoites,
iam e vinham... como 
sagazes garças
buscando seu ninho...
nos anoiteceres.

De repente, seus lábios se 
erguiam....e se mostravam
em sua beleza indiscutível
e se ofereciam
como morangos maduros.

Nossa !
Neste agora, vibram vontades,
interagem as paixões
e o beijo acontece...assim...
de repente...
que meu coração volupiante
logo sente.

Hum...você não está mais 
ausente, eu sei.
Nem eu.
Você quer...sempre quer 
tudo....tudo...tudo !

E eu, meu amor, emudeço
em teus rubros lábios !!!

Cássio Seagull 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!